Home Pesquisar Endereços úteis Meio Ambiente Astronomia Recicle Classificados Dinossauros Anuncie Noticias Fale Conosco

 

 
   

 :: O que é um dinossauro

   :: Tipos de dinossauros
   :: Alimentação
   :: Como se reproduziam
   :: Crânios
   :: As Caudas dos dinos
   :: Garras poderosas
   :: A velocidade dos dinos
   :: Blindagem de dinos
   :: Barbatanas
   :: Cores dos dinos
   :: Os sons dos dinos
   :: Evolução dos dinos
   :: Tamanhos dos dinos
   :: Sangue quente ou frio
   :: Dinossauros do Brasil
   :: Estrutura Social
   :: Inteligência dos dinos
   :: Tiranossauros Rex
   :: Membros dos Dinos
   :: Tempo de vida
   :: Aves dinossauros
   :: A extinção
   :: Dinos o retorno
   :: Noticias de Dinos
 
   

 

 
 :: Árvore
 :: Bolsa de valores
 :: Carta ao Leitor
 :: Ciência
 :: Culinária
 :: Desaparecidos
 :: Descobrimento do Brasil
 :: Emissoras de Rádios
 :: Endereços Úteis
 :: Historia do Brasil
 :: Globalização
 :: Lixo Recicle
 :: Mandamentos
 :: Mapa do Brasil
 :: Meio ambiente
 :: Mulher
 :: Paises
 :: Lixo Recicle
 :: Plantas Medicinais
 :: Piadas
 :: Olimpíadas
 :: Sexo
 :: Sites úteis
 :: Truques do amor
 :: Vídeos
 :: Nossa Historia
             ANIMAIS
 
 :: O que é Meio Ambiente
 :: Declaração do Ambiente
 :: Aquíferos
 :: Água o liquido precioso
 :: Anfíbios
 :: Arvores
 :: Animais em extinção
 :: Aves
 :: Baleias  ancestrais
 :: Cães
 :: Celenterados/Cnidários
 :: Cobras
 :: Crustáceos
 :: Equinodermos
 :: Gatos
 :: Grandes Felinos
 :: Insetos
 :: Macacos
 :: Mamíferos em geral
 :: Moluscos
 :: Oceanos e Rios
 :: Peixes água doce
 :: Peixes água salgada
 :: Poríferos
 :: Protozoários
 :: Répteis em geral
 :: Tartarugas
 :: Vídeos de Animais
 

 

 

 

 
 

 

Argentinossauro

 

 

 
   

 

 
This text will be replaced

 

 

O Argentinossauro huinculensis cujo nome significa "Réptil argentino de Huincul" em homenagem a cidade onde foi encontrado, foi sem dúvida um dos maiores animais que já existiram na face da Terra.Este gigantesco saurópode pertence a infra-ordem Neosauropoda, super-família Titanosauroidea e a família Andesauridae.

 

 


Em 1987 o fazendeiro Guillermo Heredia encontrou em sua propriedade, na província de Neuquén, Argentina, enormes fósseis que inicialmente identificou como troncos petrificados. Seu maior espanto foi quando percebeu, mais tarde, que na verdade estava diante de ossos enormes fossilizados.

 

Imediatamente ele chamou o paleontólogo Rodolfo Coria e sua equipe, do Museu Carmen Funes em Plaza Huincul, cidade da região da Patagônia, que reconheceram o material como sendo de um enorme dinossauro desconhecido.

 

Em 1989 sua equipe começa a escavação que levou vários meses, e conseguiu retirar da rocha poucos fósseis de gigantescas proporções, como Vértebras, tíbias, ossos da pélvis e algumas costelas, que demonstraram desde o início que se tratava de um novo dinossauro, maior todos os outros já descobertos e com o auxílio do Dr. José Bonaparte, do Museu de Buenos Aires, ele fez um estudo que levou 4 anos para se concluir. Finalmente em 1993 foi anunciado ao mundo científico a nova espécie.


Nas imagens acima, a primeira mostra um enorme Argentinossauro sendo caçado por um grupo de Giganotossauros, a segunda mostra uma comparação entre um elefante Africano, que é o maior animal terrestre existente no planeta, um Braquiossauro (cinza), com aproximadamente 13 metros de altura e o Argentinossauro (marrom), com 20 metros de altura.

 

E na quarta imagem temos três grandes recordistas do mundo animal, o primeiro da esquerda é um Argentinossauro ( o animal terrestre mais pesado, 100 toneldas ), o segundo no meio é um Sauroposeidon ( o animal terrestre mais alto, 25 metros ) e o último da direita é um Seismossauro ( o animal terrestre mais comprido, 52 metros ), temos também um pequeno ser humano em tamanho proporcional para verificarmos as gigantescas dimensões desses animais.

 


Os Argentinossauros tinham vértebras muito rígidas. Sua flexibilidade foi sacrificada por causa do imenso peso. Eles viveram há aproximadamente 90 á 66 milhões de anos atrás, com maior intensidade de achados na Patagônia Argentina.


Punham ovos do tamanho de uma bola de futebol, isto é, nasciam desproporcionalmente pequenos. Cientistas acreditam que aos 5 anos teria o tamanho de um pastor alemão, aos 15 teria o tamanho de um cavalo e só seriam adultos aos 50 anos.


Supõe-se que tivessem sangue frio, pois com o sangue quente, teriam que ingerir 5 ou 6 toneladas de folhas por dia, uma quantidade teoricamente impossível para uma cabeça tão pequena. Mas com sangue frio necessitariam ingerir "apenas" 1 tonelada, mas isso é apenas uma teoria sobre os saurópodes e existem várias delas.

 

 

Dados do Dinossauro:
Nome: Argentinossauro
Nome Científico: Argentinossauro huinculensis
Época: Cretáceo
Local em que viveu: América do sul
Peso: Cerca de 90 à 110 toneladas
Tamanho: 20 metros de altura e 45 metros de comprimento
Alimentação: Herbívora

 

 




Pedimos sua atenção:
 

Novo sistema de governo (inventado) para o Brasil é (Apolítico), ou seja, sem políticos, troque a irresponsabilidade pela responsabilidade, de o seu apoio no site: http://sfb-br.org




Conheça o Ache Tudo e Região  o portal de todos Brasileiros. Coloque este portal em seus favoritos. Cultive o hábito de ler, temos diversidade de informações úteis ao seu dispor. Seja bem vindo, gostamos de suas críticas e sugestões, elas nos ajudam a melhorar a cada ano.
Faça parte desta comunidade, venha para o Ache Tudo e Região.
 
 

PUBLICIDADE

 



Copyright © 1999 [Ache Tudo e Região]. Todos os direitos reservado. Revisado em: 04 outubro, 2016.