Reciclagem Emprego Desaparecidos Astronomia Ecologia Animais Dinossauros Vídeos Noticias Pesquisar Anuncie Home

Retorno

Veado Campeiro Animais e Meio Ambiente
 
 
 

Veado Campeiro

(Ozotoceros bezoarticus)

 

 

 

   O veado-campeiro  é um veado campestre, encontrado em grande parte da América do Sul, ao sul da Amazônia. Tais cervídeos medem cerca de 1 metro de comprimento, com pelagem dorsal marrom, contorno da boca, círculo ao redor dos olhos e barriga brancos e galhada com três pontas e cerca de 30 cm de altura.


Hábitos
    Este veado é encontrado mais comumente sozinho ou em grupos de até três animais; porém, já foram encontrados grupos de até 11 indivíduos. Possuem chifres de três pontas que podem alcançar 30 cm de comprimento; sua galhada é composta de dois chifres: um galho cuja ponta é voltada para frente e o outro com duas pontas, para trás. Esta composição começa a aparecer após o terceiro ano de vida do animal.


 

    São animais extremamente ágeis, podendo correr a 70 km/h e pular obstáculos sem diminuir a velocidade. Os saltos são suficientes para cruzar pequenos rios; quando não, nadam com facilidade.
    A hierarquia social é determinada através de disputas nas quais os machos empurram seus adversários com os chifres, numa prova de força. Esta disputa não tem por objetivo perfurar o oponente e o dano mais comum é a quebra de algumas pontas; porém podem ocorrer casos de perfuração.
    Sua população está bastante reduzida por causa da caça, da febre aftosa (transmitida pelo gado), das queimadas e da perda do habitat natural, decorrente da ocupação agropecuária do cerrado e pampas. Ironicamente, muitos fazendeiros culpam o veado pela disseminação da febre aftosa e acabam abatendo o animal para proteger o gado.
    Alimentam-se essencialmente de gramíneas, e desprezam os capins mais adequados para o gado. Porém se alimentam de outras plantas que quase nenhum outro animal come como o alecrim-do-campo, o assa-peixe, o capim-favorito e vagens de barbatimão.
    Existem três subespécies de veado-campeiro:
  O. bezoarticus bezoarticus - Campos do Brasil Central para o sul até o Uruguai
  O. bezoarticus leucogaster - Sudoeste do Brasil, na região do pantanal
  O. bezoarticus celer - nos pampas da Argentina.
     As populações das três subespécies não estão em contato.
     O nascimento dos filhotes ocorre quando existe uma maior oferta de alimentos, no fim das enchentes do pantanal ou após as queimadas naturais, épocas em que ervas, gramíneas e arbustos começam a rebrotar.

Reino: Animalia

Filo: Chordata

Classe: Mammalia

Ordem: Artiodactyla
Família: Cervidae

Género: Ozotoceros

Espécie: O. bezoarticus


Nome binomial
Ozotoceros bezoarticus
(Linnaeus, 1758)

Conheça o Ache Tudo e Região  o portal de todos Brasileiros. Coloque este portal nos seus favoritos. Cultive o hábito de ler, temos diversidade de informações úteis ao seu dispor. Seja bem vindo , gostamos de suas críticas e sugestões, elas nos ajudam a melhorar a cada ano.

Copyright © 1999 [Ache Tudo e Região]. Todos os direitos reservado. Revisado em: 30 abril, 2014. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo expresso nas páginas de parceiros e ou anunciantes. (Politica de Privacidade) Melhor visualizado em 1280x800

 

Faça parte desta comunidade, venha para o Ache Tudo e Região