Pesquisar

Animais e Meio Ambiente

Endereços úteis

sAnuncie

Bate Papo

HOME

Lixo Recicle Emprego Astronomia Desaparecidos Noticias Fale Conosco
 
 

Cavalinha

 
Voltar

 

   

Anunciar no Ache Tudo e Região é certo que será visto.

 

Cavalinha Medicinal Por conter grande quantidade de silício, é uma excelente mineralizante, sendo boa para problemas nos ossos, como osteoporose; é conhecida também como erva da terceira idade, pois além dos ossos, protege também quem tem problemas de próstata.Diurética e anti-úrica, a cavalinha é usada popularmente para tratar de retenção e irritação das vias urinárias (rins e bexiga), anemias, hemorróidas, hemorragias nasais, inflamações de útero, fraturas e descalcificação de dentes e ossos, sob forma de infusão (2 a 3 xíc/dia), auxilia no tratamento de hemorragias ( sob forma de vapor ou compressas)..Sua utilização é sob forma de chá, feita com infuso (ferve-se primeiro a água, coloca-se a erva num recipiente e joga a água fervente por cima, abafando antes de tomar pelo menos por cinco minutos) de 2 colheres de sopa da erva picada para 500 ml de água.

caval10.jpg (9867 bytes)

Cosmética
Em infusão, combate a celulite; ferva 30 gs da erva (caules estéreis) em 2 litros de água por 15 minutos. Coe e despeje na banheira. Tome banho de imersão por 20 minutos. Repita 2 ou 3 vezes por semana.Uma infusão mais forte aplicada com bandagens, ou mesmo um cataplasma da erva, aplicada em locais do corpo propensos a celulite, faz verdadeiras maravilhas.A cavalinha é ainda excelente tônico para peles oleosas


Uso caseiro: Utilizada na marcenaria para polir madeira. Também usado como corante verde.Usa-se contra transpiração excessiva nos pés, sob a forma de tintura, com banhos preparados com a planta.Muito bonita em arranjos com flores, antigamente era usada como uma espécie de "bombril" vegetal, bom para arear panelas ( pelo seu teor de silício).
Uso culinário:
Uso mágico:
Aromaterapia: : Tônico nervoso para a exaustão e cansaço, anti-depressivo, combate stress e ansiedade.
 

Nomes Populares
Rabo de cavalo, cauda de cavalo, erva carnuda, equisseto.
Nome Científico
Equisetum arvense L. / Família Equissetáceas
Planeta
Saturno
Origem
Remanescente de plantas pré-históricas, único sobrevivente de um gênero fóssil que existiu antes do aparecimento do homem, há milhões de anos, a cavalinha pertence ao grande grupo das Criptógamas vasculares. A erva é remanescente desse período, quando cavalinhas gigantes se proliferavam à beira dos lugares úmidos, como uma espécie de bambu mais aquático.
Partes usadas
Flores e folhas
Caracteristicas
e Cultivo

Caules ocos de até 30 cm de altura, parece um bambú sem folhas e fino. Os caules podem ser de dois tipos:
-estéril: mais alto, de cor esverdeada, pequenas folhas em forma de agulhas emendadas ; essa parte produz alimentos para si mesma, realizando a fotossíntese.
-fértil: aparecem na primavera, são mais curtos , de cor branco amarelada na base e vermelho escuro na ponta, com tufos de esporos bissexuados.
A cavalinha possui grandes quantidades de ácido sílico, flavonóides, sais de potássio, ferro e magnésio, além de tanino e outras substâncias.
Prefere solos pantanosos ou campos úmidos.

 

 

 

 

 

Opine pela inteligência  ( "PLANTE UMA ÁRVORE NATIVA")

 

Conheça o Ache Tudo e Região  o portal de todos Brasileiros. Coloque este portal nos seus favoritos. Cultive o hábito de ler, temos diversidade de informações úteis ao seu dispor. Seja bem vindo , gostamos de suas críticas e sugestões, elas nos ajudam a melhorar a cada ano.

 

 
 

Copyright © 1999 [Ache Tudo e Região]. Todos os direitos reservado. Revisado em: 30 abril, 2014. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo expresso nas páginas de parceiros e ou anunciantes. (Privacidade e Segurança) Melhor visualizado em 1024x768